segunda-feira, 25 de junho de 2018

[COPA 2018] Palpites da 3ª rodada de grupos

GRUPO A
Rússia e Uruguai, já classificados, só precisam duelar pela liderança da chave. Prevejo uma vitória suada da Celeste sobre os anfitriões da Copa.


GRUPO B
Portugal enfrentará mais uma retranca na fase de grupos, desta vez a da seleção iraniana. Pode empatar ou se contentar com um 1 x 0 para chegar ao mata-mata. Já os espanhóis deverão vencer Marrocos com alguma dificuldade.


GRUPO C
Já garantida na fase eliminatória, a França depende somente das próprias forças para confirmar a liderança na chave. Mesmo perdendo para os Blues, a Dinamarca provavelmente avançará às oitavas pois a Austrália deve conseguir no máximo um empate com o eliminado Peru.


GRUPO D
A Croácia, que aguarda seu adversário nas oitavas, entrará em campo com um time misto, facilitando um pouco as coisas para o lado da Islândia, que busca passar da fase de grupos em sua primeira participação nas Copas do Mundo. Desconfio, entretanto, que a outra vaga da chave será abocanhada pela Nigéria, que conta com a má fase dos argentinos dentro (e fora) de campo para somar mais 3 pontos.


GRUPO E
Embora se garanta nas oitavas com um empate, o Brasil não deixará de buscar mais uma vitória no Mundial, desta vez contra a Sérvia, e provavelmente cumprirá o objetivo, ainda que com placar de vantagem mínima. Correndo por fora, os suíços não deverão ter problemas diante da já eliminada Costa Rica.

GRUPO F
Reabilitada pela vitória contra os suecos no último final de semana, a Alemanha pode suar um pouco contra a Coreia do Sul, mas dificilmente sai de campo sem mais 3 pontos. Já o México vence ou, na pior das hipóteses, empata com a seleção do país de Ibrahimovic para chegar ao mata mata.


GRUPO G
Devidamente classificados, belgas e ingleses apenas se darão o trabalho de brigar pela liderança. Um empate garante a 1ª posição da chave ao Time da Rainha.


GRUPO H
A última chave da Copa está embolada. Eu apostaria em Colômbia e Japão como as classificados do grupo para o mata-mata.

domingo, 24 de junho de 2018

[COPA 2018] Japão, Senegal e Colômbia seguem vivos e a Polônia dança de vez

JAPÃO 2 x 2 SENEGAL

As líderes do Grupo H saíram de Ecaterimburgo com um empate mais do que justo e permanecem onde estão na tabela. Senegal abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo com Sadio Mané, mas os japoneses não se intimidaram com o revés e chegaram ao empate com Inui 20 minutos mais tarde. Na etapa final, Wagué põe os africanos de novo na frente. Persistente como nunca, a equipe asiática decretaria o resultado final - 2 a 2 - com Honda. Os gols podem ser conferidos aqui.
Japão e Senegal empatam na tabela quanto ao número de pontos, gols feitos e sofridos. Porém, os atletas do Sol Nascente levam vantagem no critério disciplinar, por contabilizarem dois cartões amarelos a menos que os rivais da África. Na próxima rodada, cada uma precisará vencer seu respectivo oponente para chegar às oitavas.


POLÔNIA 0 x 3 COLÔMBIA

Após o deslize na estreia contra os japoneses, a Colômbia finalmente acordou para a Copa e se reabilitou da melhor forma possível diante da Polônia em Kazan. Mina, Falcão e Cuadrado foram os responsáveis pelos gols que recuperaram a moral da equipe sul-americana. Vale destacar também a ótima atuação do goleiro Ospina, que freou o ímpeto de Lewandowski e companhia, e a presença de duas lendas do futebol cafetero - Valderama e Higuita - no estádio. Os melhores momentos podem ser conferidos nesse link. Os colombianos agora dependem de si para chegar às oitavas, para isso devendo vencer os senegaleses na última rodada. Se empatarem, precisarão torcer por uma vitória da Polônia sobre o Japão.

[COPA 2018] Inglaterra e Panamá fazem história

INGLATERRA 6 x 1 PANAMÁ

O Time da Rainha parece ter se inspirado no empolgante futebol belga para aplicar a maior goleada do Mundial até o momento: 6 x 1. Metade dos gols ingleses foi marcada pelo atacante Harry Kane, que assume a artilharia da competição com 1 tento a mais que Cristiano Ronaldo e Romelu Lukaku. John Stones, com dois gols, e Jesse Lingard, com um, completaram o escore a favor da seleção europeia. Ao panamenho Felipe Baloy restou descontar com o primeiro gol de seu país em Copas do Mundo. O English Team atualmente ocupa a primeira colocação do Grupo G devido ao maior saldo de gols em comparação à Bélgica, com quem brigará pela liderança na próxima rodada, bastando um empate para confirmar a posição.

sábado, 23 de junho de 2018

[COPA 2018] Alemanha volta à vida no Mundial

ALEMANHA 2 x 1 SUÉCIA

Em Sochi, a Die Mannschaft esteve perto de se tornar mais uma seleção europeia campeã a ser eliminada da Copa seguinte ainda na fase de grupos. Porém o esforço dos atletas e uma contribuição providencial do árbitro, que não sinalizou um pênalti claro a favor do time adversário no primeiro tempo, asseguraram o primeiro triunfo alemão na Rússia.
Os suecos abriram o placar na etapa inicial, aos 32 minutos, com Toivonen, que recebeu a bola vinda de um passe errado de Kroos e encobriu o goleiro Neuer. Pressionados, os germânicos pecavam nas finalizações embora atacassem mais e melhor em comparação à infame estreia diante do México. Já no segundo tempo, haveria mais um plot twist na Copa. Logo aos três minutos, Marco Reus recebeu cruzamento de Werner pela esquerda para deixar tudo igual, dando início à reação de sua equipe, que se complicaria ainda mais com a expulsão de Boateng, aos 36 minutos. A Suécia não soube aproveitar a vantagem numérica e pagou caro no último minuto, levando um gol de falta de Kroos, que havia errado muitos passes durante o jogo.
Graças à heroica virada, a Alemanha se encontra em situação um pouco mais confortável no Grupo F. Na última rodada, precisará vencer a Coreia do Sul e torcer para abocanhar uma das vagas da chave para as oitavas nos critérios de saldo, gols marcados e, se for o caso, confronto direto.

[COPA 2018] México quase nas oitavas

COREIA DO SUL 1 x 2 MÉXICO

Agora há pouco, o El Tri confirmou a boa fase na competição, derrotando a Coreia do Sul por 2 a 1 em Rostov. Repetindo a ótima atuação do jogo contra a Alemanha, os mexicanos não tiveram muitas dificuldades e balançaram a rede duas vezes, uma com Carlos Vela, de pênalti, ainda no primeiro tempo e outra com Javier Hernandez, o Chicharito, na etapa seguinte. Son Heung-Min descontou para os asiáticos nos acréscimos.
Os seis pontos ainda não levam o México às oitavas, já que alemães e suecos duelam ainda hoje. Uma eventual derrota da atual campeã mundial, além de despachá-la do Mundial, assegura a equipe centro-americana na próxima fase.



[COPA 2018] Mais um chocolate belga no Mundial

Embora ainda não faça parte do seleto clube de favoritas a um título de campeã mundial, a Bélgica tem corrido muito bem por fora, o que pode explicar porque até agora não parece sofrer com a maré de azar que atingiu em cheio as concorrentes mais tradicionais na Rússia. O atual elenco, nas boas mãos do técnico Rodriguez, não tomou conhecimento da sina e aplicou mais uma goleada, desta vez sobre a Tunísia no Estádio Spartak, em Moscou. O destaque da partida vai para Romelu Lukaku, que anotou 3 dos cinco gols da equipe e agora divide com Cristiano Ronaldo a artilharia da competição.
Com o placar final de 5x2, os Diabos Vermelhos assumem a liderança do Grupo G e se garantem nas oitavas, precisando apenas brigar pela ponta da chave com a Inglaterra na última rodada. Por sua vez, os tunisianos já podem arrumar as malas caso o Englsih Team vença o Panamá amanhã.

[COPA 2018] Nigéria tira a Argentina dos aparelhos e Suíça dá o primeiro virote

NIGÉRIA 2 x 0 ISLÂNDIA

Para felicidade geral da nação argentina, a Nigéria não se intimidou com o esquema fechado da Islândia e conquistou seus primeiros 3 pontos na Copa, com os dois gols anotados por Ahmed Musa no segundo tempo. O placar aumentou um pouco a esperança dos hermanos, que na última rodada precisam vencer os africanos e torcer para que os Vikings empatem ou percam para a Croácia. Entretanto, nas circunstâncias atuais, eu apostaria num eventual triunfo das Águias Verdes.



SÉRVIA 1 x 2 SUÍÇA

Em busca da classificação antecipada para as oitavas de final, os sérvios saíram na frente com Mitrovic, logo aos 5 minutos de jogo. Mas a Suíça não se abateu e pressionou de volta até protagonizar a primeira virada no Mundial da Rússia no segundo tempo, com Xhaka aos 7 minutos e Shaqiri já nos acréscimos. O placar final deixa ambas as equipes e o Brasil empatados no Grupo E (4 pontos cada), com vantagem tupiniquim no saldo de gols.